FAÇA AQUI SUA PESQUISA:

Barra horizontal

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Os três mosqueteiros - Alexandre Dumas

Acho que o maior cuidado que devemos ter na hora de ler um clássico é escolher uma boa edição. Nem todo mundo se preocupa com isso, mas é fundamental para que você entenda perfeitamente a obra e goste dela como deve gostar. Passeando pela livraria, encontrei essa versão "pocket" de "Os três mosqueteiros", de Alexandre Dumas, da Editora Zahar. Tudo me chamou a atenção: capa dura, imagem linda, livro de boa qualidade, marcador de pan, prêmio de tradução e preço baixo. Era a minha hora de ler Dumas.

Provavelmente ao contrário de grande parte de vocês, eu nunca assisti nenhuma versão dos três mosqueteiros em filme, o que foi de grande ajuda para manter o suspense durante toda a trama. O livro é extremamente envolvente, tem muito romance, aventura, humor, um pouquinho de drama e vale absolutamente a pena. Um que merece ser lido pelo menos uma vez na vida. A tradução colaborou e muito para que a leitura fosse fluida, rápida e agradável (com exceção, talvez de "rez de chaussée", térreo, que foi traduzido durante o livro inteiro para "rés do chão" e eu achei desnecessário).

Dumas conta a história de D'Artagnan, um jovem maltrapilho que sai de casa em seu cavalo maltrapilho em direção a Paris com uma carta de seu pai endereçada ao chefe dos mosqueteiros do rei para conseguir uma vaga na instituição. Logo no início da viagem, perde a carta e chega de mãos abanando ao castelo, onde encontra os mosqueteiros Athos, Porthos e Aramis. Entrando no caminho dos três, em momentos diferentes, D'Artagnan, depois de não conseguir uma vaga na ordem do rei, marca três batalhas com os três principais mosqueteiros do reino - afinal, se já iria morrer na primeira, que mal teria marcar duas outras para depois de sua morte?

Sempre com pitadas de humor, Dumas retrata belamente Paris antiga, as desavenças entre o Cardeal e o Rei, entre igreja e governo, entre França e Inglaterra, e todas as confusões que se desenrolam cada vez mais em torno da guerra pela qual os dois países estão passando. "Os três mosqueteiros" parece ter sido escrito prevendo uma edição cinematográfica, de tão roteirizada, tão absorvente e tão cheia de aventuras, do começo ao fim. No final, você já vai estar velha amiga dos três mosqueteiros e do jovem D'Artagnan, que nunca perde suas esperanças de entrar para a ordem, e não vai querer mais largar o livro. Leia sempre, se deixe entrar na história e prepare-se para ouvir o tilintar dos floretes, porque vai ser preciso muito esforço para não se apaixonar por Dumas.

3 comentários:

Lu disse... [Responder comentário]

Olá, acabei de conhecer o blog e adorei! Sempre quis ler a história dos três mosqueteiros e quando vi essa edição da Zahar foi paixão à primeira vista. Este livro foi a minha mais nova aquisição e pretendo lê-lo assim que terminar a edição de bolso de "As aventuras de Sherlock Holmes" também da mesma editora que, por sinal, é maravilhosa! Espero não me decepcionar! =)

ALINE T.K.M. disse... [Responder comentário]

Ei, descobri seu blog por acaso e realmente foi uma ótima descoberta! =)
Tenho muita vontade de ler algo de Dumas, e Os Três Mosqueteiros, consagradíssimo, sempre me chamou muito a atenção. Também tenho vontade de ler O Conde de Monte Cristo.
Já de Alexandre Dumas, filho, ainda quero ler A Dama das Camélias.

Bjão,
escrevendoloucamente.blogspot.com

Raquel Linhares disse... [Responder comentário]

Eu também nunca vi nenhuma versão no cinema e, agora que li sua resenha, me deu uma vontade enorme de ler o livro!

Pena que eu tenho uns 15 na frente na minha lista, mas vamos que vamos que 2012 só começou!

Postar um comentário

O blog continua com a sua opinião.

Já conhecia o livro? O que achou dele?

Não tinha ouvido falar desse título ainda? Deu vontade de ler, certo?

Deixe seu comentário, isso faz o blog viver!

____________________________________________

Queremos uma interação maior com nossos leitores, por isso não aceitamos mais comentários anônimos.

Clique em increver-se por e-mail, assim será avisado sempre que um comentário for deixado na postagem. Uma pode ser a resposta para você.

Se quiser entrar em contato de maneira mais rápida, vá ao nosso Formulário de Contato.

Para parcerias leia aqui antes.